Qual é a Diferença Entre Sinteco e Bona?

diferença entre sinteco e bona

Qual é a Diferença Entre Sinteco e Bona?

A diferença entre sinteco e bona é bem pequena, mas pode impactar no resultado da aplicação sobre a sua madeira, seja em um projeto de restauração ou mesmo na aplicação em um piso recém assentado.

Então, hoje iremos acabar de vez com suas dúvidas para que consiga escolher a melhor opção para o seu imóvel. Além disso, vamos deixar uma dica no final deste post que pode simplificar ainda mais o seu projeto. Vamos lá?

Principais especificações entre sinteco e bona

A diferença entre sinteco e bona são peculiares. Tanto sinteco quanto bona são resinas específicas e indicadas para aplicação sobre piso de madeira, piso do taco, piso de parquet, entre outros.

Sua grande finalidade, além de dar brilho e vida à madeira, é ampliar a preservação e tempo de vida útil.

Contudo, é importante salientar que, antes de escolher uma resina, o piso deve receber um tratamento de reforma que consiste em 3 passos bem simples, mas que exige atenção, são eles:

  • Realizar a troca das partes danificadas do piso;
  • Efetuar uma raspagem com lixa para padronizar a madeira;
  • Por fim, entra em ação o processo de calafetação do piso, onde a madeira ficará pronta para receber a resina final.

Veja as especificações de cada resina logo abaixo.

Características sinteco

O sinteco é um produto nacional, se trata de uma resina feita à base de formol e ureia.

Por ser feito aqui no Brasil seu custo-benefício pode ser um ponto positivo. Entretanto, por conta da sua composição é um material que apresenta um odor forte e que leva um tempo maior para secar.

Por outro lado, essa resina oferece um brilho mais consistente, pois quando seca acaba formando uma camada acrílica sobre o piso de madeira. Isso também garante maior durabilidade contra riscos e efeitos do tempo.

Normalmente você encontra o sinteco no acabamento brilhante, semi-fosco e fosco.

Características bona

Já a resina bona é um produto importado da Suécia. Sua composição é mais branda se comparada ao sinteco, pois é feita à base de água.

Uma das suas principais características é preservar a estética natural da madeira, pois esse tipo de resina não cria aquela camada acrílica como o sinteco. Além do mais, é uma resina de rápida secagem e não apresenta nenhum odor na aplicação.

Possuindo os mesmos acabamentos que o sinteco, ou seja, fosco, semi-fosco e brilhante, a bona vai além e dispõe ao consumidor distintas opções para espaços com alta, média e baixa circulação de pessoas.

Tudo bem, mas qual a recomendação de uso, você deve estar se perguntando e isso nos leva ao próximo tópico a seguir.

Qual é a recomendação de uso de cada um?

Não basta apenas saber as características de cada resina, é preciso entender as recomendações de uso. E para te auxiliar com isso criamos um pequeno comparativo com prós e contras que te ajudará a decidir pelo melhor para a sua madeira.

Prós do sinteco:

  • Oferece um resultado mais puxado para o acrílico, então, espere mais brilho em sua aplicação;
  • Você encontra um preço melhor devido à sua fabricação nacional;
  • É mais durável por conta da sua composição e aspecto acrílico.

Contras do sinteco:

  • Por conter ureia e formol na composição impossibilita que alguém permaneça no imóvel durante aplicação e secagem;
  • Maior prazo para secagem, podendo chegar até 72 horas após a aplicação;
  • Em alguns casos, pode ocasionar um escurecimento a mais na cor original da madeira.

Prós da bona:

  • Composta basicamente por água, a bona não libera nenhum odor;
  • Sua secagem é rápida e, em alguns casos, no mesmo dia a pessoa pode retornarão imóvel;
  • Preserva melhor a estética natural e original da madeira.

Contras da bona:

  • Sua importação pode encarecer muito o valor final do produto;
  • Por não criar uma camada acrílica sobre a madeira sua duração é considerada menor se comparada ao sinteco.

Afinal, devo utilizar Bona ou Sinteco?

Como você pôde notar, as diferenças entre as resinas são mínimas, porém devem ser consideradas na hora da escolha.

Dessa forma, escolha o sinteco se você procura um custo-benefício maior, se pode arcar com alguns dias fora de casa ou se o seu inquilino do imóvel não está com muita pressa. Inclusive, considere também o aspecto da naturalidade da madeira e do visual mais brilhante que o sinteco oferece.

Agora, se você está com pressa para entrar na casa ou apartamento, se você preza pelas qualidades originais da madeira e se o valor mais elevado do produto não interfere em seu orçamento, certamente a bona é mais indicada.

Essa última dica vale ouro e pode fazer a diferença na qualidade da aplicação

Agora você já sabe distinguir melhor qual é o produto mais apropriado para você, mas e quanto à aplicação? Você possui experiência para manejar o produto? Consegue garantir um resultado satisfatório que traga vida ao seu piso de madeira?

Então, como última dica indicamos a você procurar os conhecimentos especializados de um profissional que opere esse serviço com segurança.

Por exemplo, a HC FARA conta com profissionais altamente capacitados e com larga experiência na aplicação tanto de sinteco quanto bona.

Assim, seu piso ficará com um aspecto mais profissional e de qualidade, além de assegurar uma durabilidade ainda maior. Esperamos ter ajudado com mais essa dúvida e estamos aqui caso precise de ajuda especializada, até breve!

(21) 96743-7407